domingo , 18 Fevereiro 2018
Home / Destaque / Mulher de Moro critica imprensa após matéria sobre auxílio-moradia do marido: ‘Publicam o joio’

Mulher de Moro critica imprensa após matéria sobre auxílio-moradia do marido: ‘Publicam o joio’

A advogada Rosângela Wolff Moro publicou a crítica no Instagram, junto com uma foto de um cacho de bananas embrulhado por um jornal

A advogada Rosângela Wolff Moro publicou a crítica no Instagram, junto com uma foto de um cacho de bananas embrulhado por um jornal

A mulher do juiz Sergio Moro, a advogada Rosângela Wolff Moro, publicou na madrugada deste sábado (3), em sua conta no Instagram, uma crítica à imprensa poucas horas após o jornal Folha de S.Paulo publicar uma reportagem afirmando que o seu marido recebe auxílio-moradia de R$ 4.377,73 mensais apesar de ter apartamento próprio em Curitiba, onde mora. “Imprensa… para o bem e para o mal. Separam o joio do trigo e publicam o joio”, escreveu Rosângela.

Nunca foi tão importante estar bem informado.Sua assinatura financia o bom jornalismo.

A postagem ainda traz uma foto de um cacho de bananas parcialmente embrulhado por um jornal cujo logotipo aparenta ser o da Folha de S.Paulo. Até as 20h30 deste sábado, a publicação tinha 871 curtidas e 519 comentários. Rosângela Moro tem 13,3 mil seguidores em sua conta no Instagram.

O apartamento de Moro em Curitiba fica no bairro do Bacacheri e, segundo a Folha, tem 256 metros quadrados e foi adquirido em junho de 2002 por R$ 173.900.

 

Embora a informação que Moro recebe auxílio-moradia tenha sido dada pela Folha de S.Paulo em primeira mão, toda a imprensa nacional repercutiu o assunto. O Supremo Tribunal Federal (STF) possivelmente julgará neste ano uma ação que questiona a legalidade do pagamento do auxílio-moradia para juízes. E o assunto tem sido tratado pelos jornais.

O juiz da Lava Jato em Curitiba não é o único da operação a receber o benefício. Marcelo Bretas, responsável pela Lava Jato no Rio de Janeiro, também recebe o auxílio tendo casa própria. O caso de Bretas provocou ainda mais polêmica que o de Moro porque ele recorreu à Justiça para receber o pagamento embora sua mulher, que também é juíza, igualmente ganhe o auxílio-moradia.

A imprensa também mostrou que 26 ministros de cortes superiores – STJ (Superior Tribunal de Justiça), TST (Tribunal Superior do Trabalho) e STM (Superior Tribunal Militar) – também ganham o auxílio-moradia apesar de morarem em imóveis nos quais são proprietários.

Os juízes e as associações que os representam vêm afirmando que o pagamento é legal.

Veja Também

EDU SAFADÃO ANIMA FOLIÕES EM PIRACURUCA NA PENÚLTIMA NOITE

No terceiro dia de Carnaval em Piracuruca  a animação ficou por conta de Edu Safadão ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *